012 – O Tabu do Suicídio

Anúncios

19 Respostas to “012 – O Tabu do Suicídio”

  1. Shido Lutero Says:

    hquhausahusha man !! vc trampou em gráfica cara…só podia ser…

    bom…se vc se suicidar…seu lugar já está garantido no céu…arte finalista vai para o céu direto !!

  2. francisleech Says:

    Sacou o motivo do meu trauma com o trabalho? asiuhesiu

  3. hoellish Says:

    A verdade é que todos somos apenas um número na estatística.É fácil dizer que quem se suicida ( ou apenas teve tentativas frustradas) é fraco,covarde,quer se aparecer,etc…mas a realidade, é tentar desvendar a mente suicida.Nós temos um instinto de sobrevivência dominante (óbvio,como todos os seres vivos),e passar por cima disso ,mostra o quanto a pessoa está realmente desesperada/perturbada.Não nos cabe dizer quem tem mais problemas,comparar situações.O limite é de cada um,e não ajuda em nada julgar as pessoas sem entender o que elas REALMENTE sentem.Não vale ignorar um pedido de compreensão/ajuda de alguém triste/desesperado,para depois chorar lágrimas de crocodilo no funeral dessa pessoa.Não há como saber se a pessoa quer apenas chamar a atenção (o que já é preocupante),ou se realmente ela deseja por um fim a tudo.O problema também está nesse mundo que massacra o ser humano.Mas enfim,é um assunto complexo,e no desinteresse de tentarem compreendê-lo virou um tabu.

  4. hoellish Says:

    E teu vídeo é brilhante.

  5. francisleech Says:

    Valeu, cara!

    Hoellish, você pegou a essência da questão! Me incomoda muito esse automatismo do status-quo de apontar o dedo na cara dos “desviantes”. Acho que tudo o que a moral coletiva reprova, merece um olhar mais crítico, até porque os desviantes, de uma certa forma, são produto do status-quo, são os sintomas do erro.

    =^D

  6. hoellish Says:

    As pessoas têm desequilíbrios,o cérebro humano (como qualquer outro)não foi desenvolvido para funcionar como um reloginho,ele precisa de atenção.O suicídio tem várias causas,não devemos julgar antes de analizar.Não somos programados para agir conforme a vontade do senso comum a todo custo.Somos humanos,temos sentimentos.

    Ps: eu sou mulher,tive depressão e conheço muito bem os achismos acerca desse assunto.

  7. hoellish Says:

    O ser humano é um produto de consumo.Se apresentar “defeitos” logo é descartado.Sad but true.Agradecemos a futilidade e a essa sociedade de consumo sem freios,onde o ser é sinal de ter.

  8. Markus Says:

    Cara, em primeiro lugar, obrigado pela menção.

  9. Markus Says:

    Merda. Publiquei incompleto sem querer. Enfim, continuando:

    Não tenho opinião formada sobre o suicídio. Até porque evito pensar sobre o assunto, é tabu mesmo. Tabu = medo.

    Sobre valor intrínseco da vida: qualquer tipo de valor/sentido vem do ser humano. Se tirarmos o ser humano do mundo o mundo fica sem sentido e sem valor nenhum. Neutro. A natureza não avalia. Mas se pensarmos que fazemos parte da natureza….enfim. Acredito entretanto numa consciência cósmica universal em forma de energia. Sei que isso soa como new age shit, mas eu acedito, fazer o quê.

    Gostei da comparação de seres humanos a gado. A maioria nem sabe que existe, está completamente perdida aqui. E quem se perde acaba seguindo alguém que diz saber o caminho, como o papa.

    Tem muita gente no mundo; eu sou a favor de algum controle de natalidade, por mais fascista que essa idéia pareça. Mas não é. Viver em sociedade significa às vezes sacrificar algo pessoal em nome do bem coletivo. Ou seja, deixar de ter 10 filhos pro mundo poder respirar um pouco.

    Gostei da música do final, se eu entendi direito ela diz “you are everybody”. Isso se aplica tanto aos ignorantes sem personalidade quanto aos intelectuais (como eu, se bem que eu sou pseudo) que se acham superiores mas sofrem por qualquer tipo de paixão humana. Acabei de ver o Chuck Palahniuk dizendo “you are not special” no twitter dele, e acredito que o ego humano se recuse a acreditar que não é especial. Talvez isso seja um fator que impeça 99% dos humanos de se matar. Acharem que são especiais. Como eu disse, todo tipo de valoração emana do ser humano.

    Queria falar mais alguma coisa mas esqueci.

    Belo shuriken.

    Eu gostaria de ganhar a Suécia ao invés do Havaí. Tenho uma certa fraqueza por loiras nórdicas.

  10. francisleech Says:

    Eu não quis dizer que a vida não tenha valor, mas sim que eu não acredito que ela tenha valor no nível pessoal pro estado ou qualquer poder vigente.

    Não acho que o suicídio seja uma coisa boa, claro que não, assim como não acho que a condição de zumbi que o status-quo sugere pra nós é tão ruim quanto, senão pior.

    Ó ponto é que quando algo tão mal intencionado quanto os mecanismos de controle de massas apontam o dedo na cara de alguma coisa, essa coisa, ao meu ver, automaticamente merece uma atenção extra.

    Agora, meu amigo, a suécia vai ser disputada, viu? hasuihsauihs

  11. neide Says:

    tá famoso hein?
    comento aqui enqto o video carrega, então depois de ve-lo comentarei de verdade.

  12. luiz sergio Says:

    Francis, o Marcus tá muito metido. Ele acha que se todas as pessoas cometerem suicídio ao mesmo tempo, o mundo acaba.
    Acaba não.
    Acaba a espécie humana, da qual o mundo ficou privado durante 5 bilhões de anos.
    Sabe por que isso não acontece: todos pensamos que morrer dói. Inconscientemente morrer é um ato de dor. Nunca pensamos que pode ser um ato de libertação.
    Esse medo impeditivo não seria por acaso uma supervalorização da vida?

  13. gpr19 Says:

    Puxa… espero que o francis não provoque suicídios em massa, como fizera um louco junto com outros loucos que tiraram a própria vida acreditando que, quando o cometa passasse, eles todos pegariam carona em sua cauda.
    Será que eles obtiveram sucesso?

  14. mariana ( lud ou val whatever) Says:

    em pensar que vc vendia sapatos no sl…
    oopa falei!
    que desperdicio de talento!
    vai ser presidente menino! vereador? depurtado… chefe da cut sei lá!
    francis, o filosofo.
    bjos no core

  15. sal Says:

    querem se matar ??? muito bem, então que usem suas mortes para uma coisa mais utíl . tenho uma ótima ; venham comigo até Brasília consigo armas e bombas para todos que quisem se matar !! pelo menos levem alguns responsavéis pela vossa infelicidade para o inferno e se alguns ricos almofadinhas aparecerem no caminho melhor ainda mais gente para o jantar com o demônio !!! e antes de acharem que estou criticando os suicídas ,quero dizer que em alguns casos o suicídio seria bem aceito . não se esqueçam do ” bushido” o código samurai , onde o samurai teria o direito de cometer o “hara kiri” diante da derrota ou da descoberta de sua vergonha ou fracasso ao invés sentir a lâmina de seu oponente . para os politicos eu incentivo tal ato diante das descobertas diarias de corrupção !!! ah !! ja ia esqueçendo Francis vc disse que o controle de natalidade resolveria muitos problemas como o disperdicio de recursos e a poluição . mas vc está equivocado quanto a isso . é só observar o exemplo da própria China que vc usou , se um dia vc tiver a oportunidade de ir até lá vai observar que o céu ja não é mais azul , as pessoas andam se espremendo nas ruas por tamanha densidade demografica . sem falar que ter um só filho não freou o consumo ;ao contrário os jovens chineses se tornaram pequenos reizinhos mimados e tem tudo , mas tudo mesmo o que querem . e outra o consumo da china mesmo se fosse diminuido internamente iria se converter em exportação para os outros paises . a prova disso é que a china hoje é o maior poluidor do mundo ! então seu ponto de vista é falho nesse aspecto . mas de resto vc está certo !

    • francisleech Says:

      Mas não tem como a china não ser poluída, eles produzem bugigangas pra todo o planeta terra, não só pra eles.

      • sal Says:

        exatamente por isso que o controle de natalidade é irrelevante também ! o povão é consumista ao extremo . a televisão e os meios de comunicação em geral tem a maior parte da culpa . é um circulo vicioso ; os ricos que não sabem mais o que fazer com seu tempo e dinheiro de sobra , ficam procurando ainda mais extravaganças para adquirirem e talvez matar seu tédio , mas não conseguem nunca e essas porcarias que hoje fazem parte dos desejos fúteis deles amanhã serão o sonho de consumo da porcaria da classe média e até que se chegue as camadas mais marginalizadas da sociedade . e é claro que o que eles tem eles também vendem e os outros compram . colaborando para isso tudo estão os meios de comunicação ( mercenarios malditos ) e assim o ciclo eterno da ignorância e da miséria continua os ricos desejam depois criam > vendem através dos meios de comunicação e outras formas mais astútas >os pobres compram porque cria-se a falsa impressão de necessidade ou imposição de politicas que também favorecem aos mais abastados >como quem é vendedor e produtor sempre vai receber e quem é consumidor sempre dá , eis ai a merda !! e uma merda maior ainda é a falsa impressão que as classes intermediarias tem ; todos acham que um dia serão o top e estarão junto à náta da sociedade . amarga ilusão !!! triste e repetitivo destino de todas as gerações humanas !!!

  16. Vitor Says:

    francis, não se suicide. seus vídeos são legais. lol

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: